Caipirinha Appreciation Society

CaipiHour 2, por Carlos Pontual

CaipiHour 02

O CaipiHour 2 foi cheio de percalços por causa da chuva. Por sorte, a gente já estava mais bem organizado do que na primeira festa, e tivemos a presença de espírito de transferir o local do quiosque da praia para o simpático bistrô Aroma de Café, bem aqui ao lado. Com as manhas aprendidas gravando a primeira festa, desta vez pudemos fazer um registro quase perfeito de nossos astros da noite, Carlos Pontual e Raphael Gemal, acompanhados por Fernando Jacutinga na bateria.

Abaixo, o depoimento do Carlos Pontual sobre o evento:

"Ensaiar é pra quem precisa. Esse trio (Gemal e eu nas vozes e violões, Jacutinga na bateria e percussão) já fez tanto som juntos que é só começar a tocar, que funciona. Mesmo em músicas novas. Então ensaiamos por telefone e email. Quando o Caipirinha Apreciation Society nos chamou para tocar na festa Caipihour, inicialmente seriam dois shows independentes. Mas é muito mais divertido misturar os dois repertórios. Podemos tocar mais, temos dois violões e não fica aquela formalidade do show do fulano e depois o show do sicrano. Então preparamos 3 sets misturados, já que tocaríamos durante todo o evento.

Choveu muito naquela noite e mesmo assim foi uma galera no Aroma Café Bistrô naquela noite. Tocamos com uma mesa na frente, estilo Vinicius de Moraes Talk Show. Só que usando chopp, ao invés do Whisky. 3 sets, sabe como é, o fim do segundo set já o negócio poderia estar comprometido . E também sem a parte do Talk, que a gente não é muito de falar. Não por acaso, o show começa com a nossa primeira parceria, "Lacônico".("Ela me perguntou/ como eu estava/ como eu estava...") Espero que vocês curtam o show. Está divertido de ouvir. A gente erra com classe paca."

Carlos Pontual
 São Paulo, 06 de fevereiro de 2012

Escute a íntegra do show aqui. Segue a lista das músicas, na ordem que foram tocadas / álbum em que podem ser encontradas.

01 | Lacônico | Carlos Pontual (Miolo do som)

02 | Quero te dizer | Carlos Pontual (Inventa qualquer coisa)03 | Prossegue a história | Carlos Pontual (inédita)

04 | Sol de outono | Carlos Pontual (inédita)

05 | Canto só | Raphael Gemal (Gemal e a Máquina ao vivo)

06 | A casa | Raphael Gemal (Raphael Gemal)

07 | Quarta-feira | Carlos Pontual & Raphael Gemal (inédita)

08 | Juca Pereira | Raphael Gemal (Raphael Gemal / Gemal e a Máquina ao vivo)

09 | Inventa qualquer coisa | Carlos Pontual (Inventa Qualquer Coisa)

10 | Morena do mar | Essa é do dorival caymmi, e não gravamos este arranjo

11 | Xepa | Raphael Gemal (Raphael Gemal / Gemal e a Máquina ao vivo)

12 | Summertime | Carlos Pontual (Não gravada)

13 | Maria, tô pra voltar | Carlos Pontual (Miolo do Som)

14 | Fubá | Raphael Gemal (Raphael Gemal / Gemal e a Máquina ao vivo)

15 | Pipa | Raphael Gemal (Raphael Gemal / Gemal e a Máquina ao vivo)

16 | 4 horas da manhã | Carlos Pontual (Inventa Qualquer Coisa)

17 | Janelas sincronizadas | Carlos Pontual (Inventa Qualquer Coisa)

18 | Chamada | Raphael Gemal (Raphael Gemal / Gemal e a Máquina ao vivo)

19 | Não sou máquina | Raphael Gemal (Gemal e a Máquina ao vivo)

20 | Um leve flashback | Carlos Pontual inédita

21 | Desculpas | Carlos Pontual & Gemal inédita

   

Orange

Caipirinha Appreciation Society :: brazilian music podcast :: Brazil beyond clichés
















Produced for the University of London’s SOAS Radio and shared with the world as a podcast, the Caipirinha Appreciation Society offers its audience two hours of wonderful under-exposed Brazilian music of all styles, regions and time-periods, from vintage sambas to modern blends.


Produzido para a rádio inglesa SOAS Radio - da University of London - e difundido para o mundo como podcast, o Caipirinha Appreciation Society oferece à sua audiência internacional duas horas de música brasileira pouco explorada pela mídia, de todos os estilos, regiões e períodos, de sambas clássicos a misturas modernas.


MdC Suingue (Portuguese for "Swing") founded the Caipirinha Appreciation Society in 2004, to show the world that there is a lot more to Brazilian music than what radio stations and record companies would have you believe. Kika Serra joined the CAS in 2006, when the show became a bi-national broadcast.



MdC Suingue fundou o Caipirinha Appreciation Society em 2004, para mostrar ao mundo que "música brasileira" é muito mais do que as rádios e gravadoras fazem parecer. Kika Serra juntou-se ao CAS em 2006, quando o programa se tornou uma transmissão bi-nacional.